18 de março de 2016

Resenha: A morte de Sarai

Escolhi A Morte de Sarai para o tema "livro de capa feia" pro mês de março do I Dare You, e posso lhes dizer que a capa não compromete em nada a história. Foi uma indicação de uma amiga, até lemos juntas (quase, já que não consegui esperá-la) e recomendo demais a vocês fazerem isso com um amigo.

Sarai foi aprisionada por um perigoso chefão do tráfico mexicano quando tinha 14 anos. De início ele era namorado de sua mãe, que não passava de uma drogada que ficava com muitos homens. Ela não se importava mais com isso, até a chegada de Javier, esse traficante, que, de uma forma meio doentia, se apaixonou por ela e a prendeu na Fortaleza, onde esteve por 9 anos... até a chegada de um americano.

O rapaz em questão era um assassino, ela sabia disso, mas já havia visto muita maldade, estupros, espancamentos e mortes, não podia temer, ela tinha que fugir dali. Já considerava sorte não sofrer o que as outras garotas sofriam, e tinha algumas regalias, como, poder tomar banho, comer algumas coisas diferentes, poder sair de vez em quando, acompanhada de Javier. Mas isso não era vida, ela o odiava e odiava tudo aquilo, tinha que acabar.
Quando o americano chegou ela viu a oportunidade e a agarrou. Conseguiu escapar e entrar em seu carro, ele a notou assim que entrou, claro, mas isso não duraria para sempre. Ele, um assassino profissional, que não tinha nenhum sentimento, totalmente transparente. Ia matá-la, mas ela deu razões para que isso não acontecesse. Ele tinha objetivos e ela se tornou útil para alcança-los, ainda que isso significasse voltar para aquela vida horrível, ela aceitou. Mas o que era para acontecer não ocorreu e todas as reviravoltas e criatividade deixam o livro mais interessante ainda. 

Ele, mesmo sem poder, por conta da profissão, prolonga cada vez mais o tempo que passa com ela, dando desculpas esfarrapadas e pedindo para ser encoberto. Fica claro que algo está acontecendo, mas ninguém admite nada.

Ele é tão misterioso que me peguei desejando ler seus pensamentos várias vezes, até que ele começou a narrar alguns capítulos e eu agradeci a Deus. Não é exatamente o livro que eu recomendaria para alguém de 13 anos ou menos, contém muita morte, sangue, maldade, sexo, luxúria.

Entretanto, aos mais de 15, recomendo, pois há muita ação que não te deixa parar de ler. E claro, queremos que a protagonista fique com o assassino porque é super normal né? Mas desejamos que ela amoleça o coraçãozinho que sabemos que ele tem, e a cada quase sorriso dele temos um mini ataque do coração. Vocês vão se surpreender com a escrita e começar o próximo livro assim que terminarem este.

Autor: J. A. Redmerski
Editora: Suma de Letras
Onde comprar: Saraiva | Extra

19 comentários:

  1. Muito bom, vou ler ele. Se eu fosse olhar pra essa capa, não iria nem comprar, mas sua resenha foi boa me convenceu. Ótimo flor

    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  2. que perfeita a sinopse *-* sério, eu adorei1 mesmo não sendo uma temática que eu costumo ler, j´pa fiquei super interessada (ah, eu posso ler porque tenho 16, hahaha).
    sempre que venho aqui no seu blog saio com vontade comprar mais livros :v
    beijos :-*

    ResponderExcluir
  3. Gostei da história e gostei que tem partes hot, hehe. Nem achei a capa feia siuahsauihsaus

    Peixinhos, Gabbe!
    Blog: Talo de Maçã ♥ |Fanpage ♥ |Instagram ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkk sei. Eu não achei feia, só esquisita.

      Excluir
  4. Gostei da resenha, mas acho que não faz o tipo de livro que eu compraria. Acho meio surreal a mistura de nacionalidades ai, me lembra uma fanfic. Lógico, não que tire o mérito do livro, haha, mas não faz meu tipo, prefiro romances de época na Inglaterra ou mundo distópico, ou algo que se assemelhe (é, eu sou chata pra livros haha).
    Apesar de tudo, eu sou do contra, eu compraria o livro pela capa, achei glamurosa!

    Beijinhos
    www.sakurys.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkk adoro gente do contra ♡ E na verdade ele parece uma fanfic mesmo, com muita ação.

      Excluir
  5. Oi! Gosto de livros que mexem com a gente de alguma forma, sabe? Por isso acho que leria esse fácil! Não achei a capa feia rsrs já vi livros com capas bem piores! Valeu pela dica, beijos!

    Blog Ei Carol!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, não é a mais feia kkk Que bom que gostou ♡

      Excluir
  6. Genteee..
    Será que seria normal shippar a mocinha sofrida com um assassino normal?! Mas no mundo da ficção tudo pode. Que resenha de livro maravilhosa, #preciso. Isso é um romance doentio, e que no final pode dar certo. Quero muito ler o livro... A capa pode até ser feia, mas pelo o que você contou a história é sensacional! Beijos, sucesso.

    meninafashion-polly.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deu muito certo kkk eu ainda to numa relação de amor e ódio com ele rs

      Excluir
  7. Amei a sinopse. Eu até que gostei da capa hehe... Vou procurar p ler! Adorei sua escrita. Blog lindo. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Eu já tinha lido a respeito desse livro por ai. Mas a capa não nunca me despertou a curiosidade pra ler sabe? Sua resenha foi a primeira sobre ele que eu li, não sabia da historia e gostei bastante, parece ser um pouco '' forte'', e espero que minha leitura seja aproveitosa também
    http://leitoraemsagas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu só tive vontade de ler por causa de uma amiga kk essa capa nunca me daria vontade. Tem umas partes fortes mesmo, mas você acaba se envolvendo e não consegue mais parar.

      Excluir
  9. Que resenha hein mais outro para lista o que será de mim com tanto livro para ler e pouca grana...

    ResponderExcluir
  10. Aquele momento que você ler uma resenha e já quer muito ler o livro, como faz? haha, isso que aconteceu ao ver sua resenha. Parabéns, amei!

    Beijos! ~ http://www.umdiarioquasenormal.com =)

    ResponderExcluir

Adaptado por Isabelle Felicio

Tema Base por Butlariz