20/05/2016

Resenha: A música que mudou minha vida


Audrey já estava cansada do jeito do namorado, então sua melhor amiga Victoria deu a ideia de listar as coisas que ela mais gosta nele e as que menos gosta. E adivinha? Cresceu e muito o lado de coisas ruins. Esse foi o momento em que ela decidiu terminar com ele. Não dava mais pra aguentar.

Acontecido o encontro, eles terminaram. Bem na noite em que a banda dele, os Do-Gooders, iam fazer um show com a presença de um produtor, finalmente! Ou seja, a pior noite para se terminar com o namorado, segundo o próprio. Ele pediu que ela fosse ao show assim mesmo e ela disse que sim e se foi. Quando ela estava saindo ele a chamou: Audrey, espere! Só que ela fingiu não ter ouvido nada e saiu. É... ela devia ter voltado.

Audrey foi ao show com Victoria e Jonah, namorado da Vic (que não gosta nada de ser chamada assim ou por qualquer apelido). Eles tocaram as mesmas músicas de sempre, covers etc. O produtor parecia entediado. Porém, no fim do show, Evan anunciou uma nova música e Audrey já ficou alerta. Por quê eu disse que ela deveria ter voltado? Por conta dessa nova música. Era inteiramente sobre o término! E o refrão era justamente “Audrey, espere! Você saiu pela porta e eu quero que você me veja fechar! Audrey, espere! Pode falar, mas quero que saiba que essa é de matar!”.

Juro, se aquela música não fosse sobre mim, se eu nunca tivesse encontrado com o Evan, estaria naquele palco sacudindo o corpo que mamãe me deu de tão viciante que era. Mas, em vez disso, fiquei enraizada no chão e meu queixo estava em algum lugar perto dos meus joelhos. 

É claro que todos amaram a música, era contagiante, viciante. Começou a tocar na rádio local, depois em outras maiores e assim vai. Imagina escutar o seu término em todas as rádios do país e saber que ela já estava se espalhando pelo mundo?

E ainda tem a questão da fama dela. Todos queriam saber quem era a malvada da Audrey, queriam uma entrevista, queriam autógrafos e queriam se aproveitar também, claro. E com tudo isso ela passou a se questionar se conseguiria viver normalmente de novo, sem as pessoas querendo um pouco da fama dela ou estampá-la numa revista.

Eu gostei muito da leitura! É super engraçada e divertida, mas nos proporciona aqueles momentos raivosos também. A escrita é descontraída e tem umas ironias muito legais. A autora deu um senso de humor incrível para a Audrey e tudo foi ótimo de ler. Sério, dei várias risadas.

Uma coisa que eu senti bastante foi a amizade da Aud e da Victoria. Elas são muito irmãs. É uma delícia. Outra coisa legal é que os nomes dos capítulos são títulos de músicas que tem a ver com os sentimentos impostos no capítulo. É bem interessante para você que quer conhecer músicas novas. 

É muito bom ler um livro que te faz sentir tudo, com um desenvolver gostoso e um final melhor ainda. 

Autora: Robin Benway
Editora: Galera
Onde comprar: Saraiva | Submarino | Americanas

12 comentários:

  1. Acho que eu iria gostar, gostei da idéia de usar títulos de músicas como nome de capítulos. Adoro conhecer novas músicas.
    Gostei da dica, bjs!

    ResponderExcluir
  2. Eu ando meio louca por livros e esse é um dos que já tá na listinha rs. Apesar dele parecer aqueles livros nas adolescentes, parece ter uma história envolvente, dessas de você ficar torcendo pelos personagens aiuheiah. Adorei a resenha, moça ♥

    ResponderExcluir
  3. Yay, mais um livro que eu estou curiosa para ler há bastante tempo. Acho que vi um vídeo no YouTube que a blogueira fala dele por cima, mas eu já havia ficado interessada. Agora, então... <3
    Parece ser bem divertido e leve, do jeito que eu gosto, hehe.
    Beijos. *-*

    ResponderExcluir
  4. Eu ameei a resenha, fiquei com muita vontade ler o livro! já coloquei na lista das próximas aquisições ❤
    Beijoos :*

    ResponderExcluir
  5. Gente, já quero esse livro.
    Amei a resenha, parece ser uma boa história <3

    ResponderExcluir
  6. Gosto muito de livro nesse estilo, esse já entrou na minha lista de leitura.

    ResponderExcluir
  7. Só de saber que tem uma personagem chamada Audrey eu já quis mil vezes esse livro hahaha
    Adorei que os nomes dos capítulos são títulos de músicas, fiquei curiosa para saber quais músicas a autora usou

    ResponderExcluir
  8. Nunca tinha ouvido falar desse livro!! Gostei muito disso de os capítulos terem nomes de músicas! Amo músicas, e acho que vou gostar de ler essa história. Adorei!!!

    ResponderExcluir
  9. Olá princesa! Amei seu blog, muito fofo! <3
    E nunca tinha ouvido falar desse livro, mas amei a resenha dele, já quero ler!
    Beijos!

    http://blogdakah.tk

    ResponderExcluir
  10. Eu simplesmente amo esse livro. Fui comprada pela capa maravilhosa dele e fiquei completamente envolvida com a história ♥

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia o livro, mas parece que é uma leitura gostosa e leve, incluirei na minha listinha.

    ResponderExcluir
  12. Que livro diferenciado e essa capa top hein? Gostei como as coisas acontecem e por tratar de músicas também. Se a história já me despertou interesse, agora fiquei curiosa pra conhecer novas músicas.
    Beijos

    www.Juhlihipy.com

    ResponderExcluir

Adaptado por Isabelle Felicio

Tema Base por Butlariz