22/08/2016

Como começou meu amor pela leitura

Minha mãe sempre tentou me fazer gostar de livros. Não lembro de nada que ela propôs, mas sei que ela tentava e nunca dava certo.
Ainda tenho meu primeiro livro, ganhei do meu tio em um aniversário de 7 ou 8 anos. Lembro MUITO BEM que não entendi absolutamente nada, que odiei! No lugar de uma história tinham perguntas. O mundo existia antes de ser descoberto? Seus olhos podem ver tudo que existe? Sabe o que eu fiz? Respondi TODAS as perguntas. Adoro pegá-lo pra rir um pouco porque tem perguntas e respostas do tipo "Por que os homens procuraram descobrir o mundo?" " Para saber". O que eu não entendi na época e só vim a entender quase adulta é que era um livro de questionamentos, que aquelas perguntas foram feitas justamente para me intrigar e me fazer refletir mais sobre o mundo, fazer querer conhecer mais.

Nem livro de escola eu lia. Sempre tinha alguma coisa chata pra ler nas aulas de português e eu nunca lia. Para as provas minhas alternativas eram: 1) ler o resumo na internet e decorar muito bem, 2) pedir para as pessoas que leram contar tudo em detalhes para os que não leram. MAS NÃO FAÇAM ISSO, EU ERA UMA PESSOA HORRÍVEL. VOU DIZER QUE TIRAVA ZERO SÓ PRA NINGUÉM FAZER. EU TIRAVA ZERO.

Sabem quando comecei a ler de verdade e pegar gosto? Em 2008 quando o filme de Crepúsculo foi lançado e nem lembro o que me deu, só sei que deu vontade de ler o livro. Como eu não tinha dinheiro pra comprar teve que ser emprestado mesmo (olha, sou da época que emprestavam livros sem medo).

Daí foi só vício. Li o segundo também emprestado, o terceiro do mesmo jeito. Só no quarto que não consegui pegar porque já estava com outra pessoa. O que eu fiz? Eu não tinha notebook e celular não pegava livro, pelo menos não o meu. Então li pelo computador mesmo. Lembro que ficava até de madrugada lendo Amanhecer. Só de lembrar dá emoção.
Minha letrinha de criança dizendo que já acreditava em E.T.s
Depois de descobrir a maravilha que é ler livros mas não poder comprá-los eu passei a estragar minha visão todas as noites no computador lendo muitos livrinhos baixados clandestinamente na internet. Minha mãe? Nossa Senhora, se gabava que "a filha dela tinha computador mas não ficava na internet, ficava lendo livros".

É por isso que hoje tenho pouquíssimos livros, acho que, por não poder comprar, me acostumei a ler pelo computador e depois pelo celular. A maioria dos físicos que lia eram emprestados de amigos ou da biblioteca. E por falar em biblioteca, todo domingo eu estava em uma, minha preferida. Pena que agora moro muito longe de lá. E a daqui é uma tristeza só. 

E você? O que te fez entrar pra esse mundo da leitura? Qual livro fez você se apaixonar?


5 comentários:

  1. Isabelle, me identifiquei com você ao ler esse post. Minha mãe comprava inúmeros livros para mim quando eu era criança. Ela começou a comprar na época em que eu estava aprendendo a ler, então geralmente ela lia pra mim várias vezes e depois eu lia pra ela do jeito que lembrava hahahha. Comecei a odiar ler por causa dos livros da escola, eram chatos, até hoje não gosto de O pequeno príncipe por isso. Mas hoje é só amor <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não gosto do pequeno príncipe pq meio que fui obrigada a ler haha ODIAVA ler os livros da escola.

      Excluir
  2. Minha família nunca me incentivou a ler, comecei a ler por que um professor me desafiou, tomei gosto pela literatura, que agora sou viciada, não consigo passar um dia sem pegar um livro pra ler. adorei. flor indiquei o seu blog pra responder uma tag, se você aceitar segue o link , beijos

    Taynara Mello | Indicar Livros
    http://www.indicarlivros.com/2016/08/tag-diferentona.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só eu que leio muito na família, minha prima lê por incentivo meu, fora isso, somos as únicas.

      Excluir
  3. Que legal a história, moça!
    Minha mãe é bibliotecaria, nasci com ela fazendo faculdade e meus tios que moravam comigo uma fazendo mestrado e o outro doutorado... Resultado? Antes de saber ler eu já tinha muitos livros... E como sempre liam pra mim, desde muito novinha(uns 2 anos), pra eu dormir, acabei gostando e nunca larguei a paixão!
    Beijos!

    ResponderExcluir

Adaptado por Isabelle Felicio

Tema Base por Butlariz