12 de abril de 2017

Resenha | A Rainha Vermelha

A única coisa que consigo pensar é: Por que não li esse livro antes?

A história gira em torno de uma sociedade que diferencia as pessoas pela cor do sangue. Os prateados são quase deuses, com seus poderes comandam e controlam tudo. Os vermelhos são os oprimidos, sem poderes, sem liberdade ou riquezas. Seu destino é conseguir um trabalho antes dos 18 anos, caso contrário, a guerra os espera, tanto homens como mulheres.

Mare é uma vermelha, tem quatro irmãos e três deles estão na guerra. Gisa, sua irmã mais nova, é a única que tem um trabalho. Ela vive a sombra da irmã, a ama muito, mas é apenas uma ladra e não acha que vá receber um olhar de orgulho dos pais. Mas nada importa, pois o tempo está passando e ela é uma garota prestes a chegar aos dezoito anos sem um trabalho para a proteger da guerra.

Ela tem um amigo, Kilorn, que não teve pais para criá-lo e Mare assumiu esse tarefa a muito tempo. Ele é um aprendiz de pescador e Mare fica feliz por ele não precisar ir para a guerra, pois ela já tinha tirado tudo dele. Infelizmente, um imprevisto acontece e Mare se vê fazendo o possível para tentar protegê-lo mais uma vez, como sempre.

Entre tantos acontecimentos, confusões, mágoas, tristeza e derrota, Mare é recrutada para trabalhar no palácio. E é lá, no meio de um grandioso evento repleto de nobres prateados, que a nossa personagem principal descobre do que é capaz.
Pra quem leu A Seleção e está sentindo falta, leiam esse livro. São distopias incríveis que, apesar de completamente diferentes, tem seus aspectos parecidos. Como as duas protagonistas serem pobres e acabarem parando dentro de um castelo no meio da realeza e outras coisas. 

Mas as diferenças são gritantes! A Rainha Vermelha tem o seu lado fantasioso, o que só torna tudo mais incrível ainda. Os prateados são divididos por casa e cada uma tem o seu poder. Fogo, água, ler e controlar a mente, controlar metais, espaços. É uma história mais ativa, com lutas ocorrendo constantemente e deixando nós leitores super nervosos e acordados. Em uma em particular me peguei cerrando os dentes, como se estivesse no meio da arena torcendo.

Também há as mentiras, as manipulações, a dúvida de não saber em quem confiar. Nesse quesito eu achei um tanto previsível, mas não perdi toda a excitação da leitura porque me permiti acreditar que não seria fácil de desvendar a trama. Não sei se ficou claro, mas eu desconfiei de algumas coisas desde o início, e acertei, mas foi aquela desconfiança rasa, sabendo que tudo podia mudar, uma divisão de opiniões. 

No fim foi tudo muito emocionante! Dormi tarde, não comi direito e tive toda aquela experiencia gostosa e louca de quando uma história nos consome. Tirei o nome do livro num sorteio da minha TBR JAR e sinto que foi uma sorte imensa, acho que minha jarra sabia que eu queria me animar. Deu muito certo. 

Autora: Victoria Aveyard
Editora: Seguinte
Onde comprar: Amazon | Americanas | Saraiva | Submarino


18 comentários:

  1. Nossa achei meu novo amor provavelmente,amoo livro desse tipo e o jeito que a historia pelo visto tomou rumo irei ler com certeza!

    ResponderExcluir
  2. Oi lindona! Ainda não conhecia o livro... Mas a história parece, no mínimo, muito interessante! Não sou a maior fã do gênero distopias, mas de vez em quando gosto de me envolver com uma. Anotei o nome para, quem sabe, ler no futuro. A propósito, achei a ideia da cor do sangue incrível! Nunca tinha pensado em algo do tipo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Nunca ouvi falar, mas lendo sua resenha me lembrou jogos vorazes não sei porque. Adoro histórias que faz a gente querer ler o livro num dia só pra descobrir como termina. Esse eu leria com certeza!
    Skyscrapers

    ResponderExcluir
  4. Oii Isa, tudo bem? To sempre acompanhando as suas novidades por aqui. Achei o tema desse livro meio uma metáfora da atualizade.. Uma sociedade que é definida por cor..de sangue. Acho que o tema em si é bem interessante. Eu não conhecia nem a autoria ou o livro. Boa indicação. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Amei ler a Seleção, e vou amar ler esse também pois achei a história bastante interessante. Já quero pra coleção. <3

    ResponderExcluir
  6. Oi Isabelle!
    Quando li o livro tive as mesmas impressões que você, pois apreciei muito a leitura. Só achei a narrativa arrastada em algumas partes, mas nada que tirasse o brilho da história. Gostei da criatividade da foto do post!
    Inania Verba

    ResponderExcluir
  7. Adoro essas histórias que nos deixam sem dormir. Amei a resenha e sua foto está perfeita, sério. Vou anotar na minha listinha aqui! Beijo ♥

    ResponderExcluir
  8. Como pode, né? Eu li esse livro e fiquei tão incomodada que nem penso em continuar a série. A falta de amizades femininas, a Mare que demora muito pra entender o que tá acontecendo... Desculpa, eu realmente não gostei.
    Mas esse é um livro que você ama ou odeia, não tem jeito, que bom que você gostou!
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  9. Adorei a resenha, ainda mais devido a composição da sua foto com a mão "com sangue". Acho que por trás da história o livro mostra bastante como a sociedade na verdade é hoje em dia mesmo, com preconceito com a cor, raça e opção sexual.

    Beijos, Gabi.

    ResponderExcluir
  10. Eu já tava louca pra ler esse livro, agora depois dessa resenha então, querendo mais ainda! Tenho muita vontade de ler a seleção também.
    www.agendaleatoria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Isabelle, esse livro realmente parece seruito bom. Eh a segunda resenha que leio dele e percebo o quanto eh interessante ver pontos de vista diferentes. Achei interessante também como um texto mais ou menos previsível te laçou devida a qualidade dá história. Estou anciosa para ler. Bjo! Thata

    ResponderExcluir
  12. Nossa, esse livro parece ser bem interessante, não o conhecia.
    Pelo visto você também lê pelo celular, melhor coisa depois que a gente acostuma, né? <3

    Curti a resenha! ;)

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia esse livro. Vou procurar pra terminar de conhecer a história da Mare. AMEIS!

    ResponderExcluir
  14. Eu estava querendo compra-lo, mas ainda não tinha lido resenhas dele! Amei essa resenha!! IREI COMPRA-LO! Obrigado Isa <3 beijos!

    ResponderExcluir
  15. Uauuuu! Esse livro parece ser top hein..
    Já vou colocar na minha listinha para ler , fiquei impressionada com a historia

    ResponderExcluir
  16. Eu li a resenha desse livro esses dias em outro blog e já me apaixonei, eu gosto desse estilo e pelo que eu vi (das pessoas falando) eu gostarei da pegada que a história tem rsrs Já estou mega curiosa para ler

    ResponderExcluir
  17. Nas duas primeiras linhas da sua resenha eu ja queria ler o livro rs
    Amo distopias.

    ResponderExcluir
  18. Adoro livros que envolvem castelos, realeza, tanto esse quanto A Seleção estou louca pra ler! Beijos❤

    ResponderExcluir

Adaptado por Isabelle Felicio

Tema Base por Butlariz