3 de maio de 2017

Resenha | Espada de Vidro

Espada de Vidro é o segundo volume de A Rainha Vermelha, portanto contém spoilers sobre o primeiro livro, A Rainha Vermelha.
Mare já não é mais a vermelha disfarçada de prateada que foi forçada a ser antes. Agora ela estava livre das garras do palácio, mas continuava sendo uma procurada, o que dificultava as coisas. Ela tinha que vencer essa batalha, e sabia que os vermelhos só conseguiriam com a ajuda dos sanguesnovos, pessoas com o mesmo sangue que ela. Vermelhos e mais forte que os prateados.

A história gira em torno das buscas de Mare, acompanhada de Farley, Shade, Kilorn e Cal, ao redor do país em busca dos sanguesnovos. Ela tenta chegar até eles o mais rápido possível, pois não são os únicos os procurando. Pelo menos ela estava procurando, pois Maven os estava caçando.

Entre muitas missões de resgate nós percebemos a mudança de Mare. Ela está cada vez mais fria. Todas as mortes estão deixando-a péssima, os rostos ficam gravados em sua mente. Ela tenta se convencer de que está fazendo isso tudo para o bem deles. E em certo ponto a nossa personagem principal fica tão focada nas missões que se esquece completamente dos seus sentimentos, agindo como um robô de guerra completamente irritante. Quis várias vezes dar um tapa nela pra garota voltar para a realidade.

Acho que essa mudança dela me irritou tanto que influenciou no meu tempo de leitura, com momentos que eu praticamente devorava o livro e outros que eu nem queria olhar pra ele. Ainda sim, acho que tudo foi necessário e correto. A garota foi traída pelos sentimentos, penso que deve ser difícil confiar em outro alguém depois de tudo que ela passou, até nela mesma.

A parte mais legal da história com certeza é conhecer outros personagens e saber sobre os poderes deles. Alguns possuem um poder como o dos prateados, só que bem mais forte. Ou possuem poderes completamente diferentes, como metamorfose, ilusão, controle da gravidade. Com certeza os prateados não esperam que alguém seja capaz de fazer essas coisas. 

No geral, gostei bastante da leitura. Adorei os novos personagens, odiei a nova personalidade de Mare, o que ainda é uma coisa boa, e adorei as cenas mais ativas, com lutas emocionantes. É sim uma história criativa, cheia de surpresas e estou bem curiosa para ler o desfecho dela. Nem faço ideia do que a autora pode ter feito pra finalizar o livro, estou com as expectativas lá no alto.

Autora: Victoria Aveyard
Editora: Seguinte
Onde comprar: Amazon | Americanas | Saraiva


2 comentários:

  1. Vejo muitas pessoas falando maravilhas desses livros, mas nunca li muitas coisas sobre eles, só comentários mesmo. Tenho muita vontade de ler esses livros, mas tenho uma preguiça tão grande de começar, rsrs. Sua resenha me fez ter essa vontade de começar de novo, então espero que a preguiça me deixe um pouco dessa vez, pra que eu possa ler pelo menos o primeiro livro, rs.
    Beijos
    Blog Sweet Ideas

    ResponderExcluir
  2. Já vi tantas fotos desses livros na minha timeline que estou com muita vontade de comprar pra ler! Eu sou uma rata de biblioteca e quando coloco na cabeça que um livro me interessou no mesmo dia começo a ler hahahaahah
    Beijos!
    Mad Souls

    ResponderExcluir

Adaptado por Isabelle Felicio

Tema Base por Butlariz